International Karting
InstagramFacebookTwitterYoutubePocketMags
Vroom Logo

Rubens Barrichello é campeão do Sul-Americano de Kart Rotax

Rubens Barrichello é campeão do Sul-Americano de Kart Rotax
News & Previews

Além de Rubens Barrichello, o Brasil teve outros cinco campeões na competição que contou com a participação de pilotos de 10 países

 
FLORIANÓPOLIS (SC) - O Campeonato Sul-Americano de Kart Rotax terminou hoje (domingo), no Kartódromo Internacional de Santa Catarina, em Florianópolis, com domínio brasileiro. Foram seis títulos do Brasil, contra um da Argentina.
 
Entre os campeões, destaca-se Rubens Barrichello, ex-piloto da Fórmula 1, que conquistou o título da categoria DD2. Na Prova Final, ele largou em segundo e assumiu a liderança já na primeira curva. A partir daí, com uma pilotagem perfeita, foi abrindo volta a volta e completou as 20 voltas da prova em 17m49s080. Ele também fez a melhor volta da corrida, na 17ª passagem, com o tempo de 53s011, andando à velocidade média de 83,529 Km/h.
 
Este é o segundo título de Rubinho em um Sul-Americano de Kart. Ele tinha sido campeão em 1987. Após o pódio, Rubinho comentou estar muito feliz com o título e emocionado por aos 43 anos de idade, conquistar vaga para o Mundial de Kart. “”Vou estar em Portugal, será uma honra participar desta competição””, disse Rubinho.
 
Além de Rubinho, seu filho Fernando Barrichello foi ao pódio da categoria Mini Max com o sexto lugar. Eduardo Barrichello, o outro filho de Rubinho a participar da competição, conquistou o 10º lugar na categoria Júnior Max.
 
Os outros brasileiros campeões no Sul-Americano de Kart Rotax foram João Vitor Barcelos, na categoria Micro Max; Leonardo Reis, na Mini Max; Fernando Guzzi, na Max Masters; João Rosate, na Max Sêniors; e Leonardo Nienkotter, na categoria DD2 Masters.
O único título do Sul-Americano não conquistado por brasileiros foi para a Argentina. Fernandez Matias sagrou-se campeão da categoria Júnior Max.
 
O Sul-Americano do Brasil classificou os campeões Fernandez Matias(Júnior Max), Fernando Guzzi (Max Masters); João Rosate (Max Sêniors), Leonardo Nienkotter (DD2 Masters) e Rubens Barrichello (DD2) para o Campeonato Mundial de Kart Rotax deste ano, para ser disputado ser disputado em novembro, em Portugal. Como Nienkkoter já tem a vaga assegurada por ter sido campeão do Florida Winter Tour nos Estados Unidos, a vaga brasileira vai para o argentino Gabriel Zughella, o vice-campeão em Florianópolis.
 
O Campeonato Sul-Americano de Kart Rotax teve promoção da Mach 5, com supervisão da Fauesc (Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina) e da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo).
 
Em 2016
Após a solenidade de pódio, a Rotax anunciou que a próxima edição do Sul-Americano será em Lima, no Peru, em 2016.
 
Resultados do Sul-Americano de Kart Rotax
 
Categoria Micro Max
1º) João Vitor Barcelos (Bra), 15 voltas 15m09s713
2º) Diego Contecha (Col), a 0s268
3º) Gabriel Gomez (Bra), a 8s852
4º) Valéria Vargas (Col), a 8s972
5º) Pedro Aizza (Bra), a 9s246
6º) Nicolas Orozco (Col), a 16s131
7º) Gianni Arione (Chi), a 1 volta
8º) Lucca Zucchini (Bra) , a 1 volta
9º) Rodrigo P. da Silva (Bra), a 1volta
10º) Nicolas Duran (Chi), a  1 volta
Melhor º volta: Diego Contecha -59.915 (média 73,904 km/h), 15ª volta
 
Categoria Mini Max
1º) Leonardo Reis (Bra), 15 voltas em 14m31s086
2º) Thomas Kuehne (Bra), a 0s454
3º) Gabriel Bortoleto (Bra), a 3s979
4º) Enrico Delucca  (Bra), a 4s429
5º) Juan Rodriguez (Col), 5s408
6º) Fernando Barrichello (Bra), a5s998
7º) Lorenzo Astiz (Arg), a 9s136
8º) Lucas Cristancho (Col), a 12s137
9º) Leonardo Cerise (Bra), a 19s416
Melhor volta: Gabriel Bortoleto, na 4ª passagem, com 57s090
 
Categoria Júnior Max
1º) Fernandez Matias (Arg), 20 voltas em 18m17s237
2º) Marcel Coletta (Bra), a 1s925
3º) Caio Colet (Bra), a 6s777
45º) Rafael Reis (Bra), a 8s841
56º) Ruan Belizari (Bra), a 10s587
67º) Gianluca Petecof (Bra), a 11s055
78º) Sebastian Rodriguez (Col), a 11s260
8º) Guilherme Palhari (Bra), a 11s570
9º) Eduardo Barrichello (Bra), a 11s722
10º) Pedro Adami (Bra), a 17s283
11º) Vinicius Zanuto (Bra), 18s053
12º) Nicolas Brueckner (EUA), a 19s295
13º) Henri Forest Bra), a 19s441
14º) Pedro Burger (Bra), a 21s708
15º) Bastian Oyarzun (Chi), 28s388
16º) José Victor Adami (Bra), a 28s821
17º) Pablo Falchi (Uru), 29s344
18º) Fabrizio Yaluk (Par), a 29s876
19º) Diego Dominguez (Par), 30s288
20º) Diego Ferro (Per), a 30s334
21º) Lucas Vicino (Arg),         a 43s633
23º) Marco Canillas (Par), a 8 voltas
24º) Christian Fliter (Bra), a 12 voltas
Melhor volta: Nicolas Brueckner, 54s392 (média 81,409 km/h), 19ª volta
 
Categoria Max Masters
1º) Fernando Guzzi (Bra), 18 voltas em 16m38s003s
2º) Marcos Rubin (Bra), a 1s762
3º) André Guidalli (Bra), a 2s130,
4º) Roberto Azana (Bra), a 2s771
5º) Rafael Falk (Bra), a 7s008
6º) George Gusmão (Bra), a 8s989
7º) Damian Colombo (Arg), a 10s462
8º) Edmundo Loyer (Per), a 17s368
9º) Rodrigo Alenaz (Arg), a 22s462
10º) Jeferson Muccio (Bra), a 25s749
11º) Gerson Campos (Bra), a 28s622
12º) Jairo Gonçalves (Bra), a 31s557
13º) Onassis de Souza (Bra), a 39s673
14º) Beto Nini (Bra), a 56s179a
15º) Anderson Faita (Bra), a 7 voltas
16º) Ivo Pasinato Júnior (Bra), a 7 voltas
17º) Bruno Moraes (Bra), a 17 voltasss
Melhor volta: Anderson Faita, 54s838 (média 80,746 km/h), 11ª volta
 
Categoria Max Sêniors
1º) João Rosate (Bra), 20 voltas em 18m11s584
2º) Luca Travaglini (Bra), a 10s148
3º) Murilo Della Coletta (Bra), a 10s558
4º) Lucas de Souza (Bra), a 11s443
5º) João Cunha (Bra), a 11s785
6º) Matias Vasquez (Arg), a 11s842
7º) Gabriel de Oliveira (Bra), a 13s312
8º) Miguel Zaldivar (Par), a 14s015
9º) Santiago Alvarez (Arg), a 18s862
10º) Matheus Wormsbecker (Par), 19s988
11º) Pietro Guglielmi (Bra), a 22s661
12º) Pedro Sanchez (Bra), a 22s986
13º) Pablo Ganberini (Chi),  a 25s933
14º) Juan Pablo Ruano (Col), a 26s505
15º) Jeff Giassi (Bra), a 32s400
16º) André Giotto (Bra), a 9 voltas
17º) Andres Canillas (Par), a 13 voltas
Melhor volta: João Rosate, 54s019 (média 81,971 km/h), 14ª volta
 
Categoria DD2 Masters
1º) Leonardo Nienkotter (Bra), 20 voltas em 18m04s066
2º) Gabriel Zughella (Arg), a 0s562
3º) Rafael Moro (Arg), a 5s469
4º) Michel Aboissa (Bra), a 10s305
5º) Adams Christophe (Bel), a 12s131
6º) Camilo Matiz (Col), a 12s489
7º) Roberto Azana (Bra), a 14s409
8º) Diego Camodeca (Arg), a 14s512
9º) Santiago Guerrero (Col), a 14s567
10º) Jorge Gomez (Col), a 15s663
11º) Osmar Santos (Bra), a 18s248
12º) Juan Nietzel (Arg), a 25s171
13º) Horacio Torres (Chi), a 25s740
14º) Diego Graziani (Arg), a 26s515
15º) Paulo Martinelli (Bra), a 27s021
16º) Munir Aboissa (Bra), a 27s129
17º) Luis Souza (Bra), a 32s090
18º) Martin Schutz (Arg), a 36s851
19º) Pablo Gamberini (Chi), a 58s645
20º) Pablo Yanur (Chi), a 2 voltas
21º) Esteban Simonetto (Bra), a 8 voltas
22º) Jobson Ortega (Bra), a 10 voltas
Melhor volta: Jorge Gomez, 53s632 (média 82,562 km/h), 15ª volta
 
Categoria DD2
1º) Rubens Barrichello (Bra), 20 voltas em 17m49s080
2º) Brian Stafuza (Arg), a 12s794
3º) Alberto Cattucci (Bra), a 14s998
4º) Alexandre Palhari (Bra), a 17s337
5º) Kevin Luedi (Sui), a 17s388
6º) Luca Milani (Bra), a 19s743
7º) Pablo Larroquete (Chi), a 20s174
8º) Matheus Coletta (Bra), a 22s454
9º) Yuri Alves (Bra), a 26s114
10º) Matias Vallanueva (Chi), a 27s862
11º) Nelson Stanisci (Bra),  a 3 voltas
12º) Luís Mondaca (Chi) , a 14 voltas
13º) Murilo Della Coletta (Bra), a 17 voltas
Melhor volta: Rubens Barrichello, 53s011 (média 83,529 km/h), 17ª volta
 
 
Da Redação, Vroom Kart Brasil - Foto: Mario Ferreira

OKKART srl © COPYRIGHT 2018 | VAT IT02629390598 | Privacy Policy - Cookies Policy