International Karting
InstagramFacebookTwitterYoutubePocketMags
Vroom Logo

Seletiva de Kart Petrobras divulga programação e regulamento para a grande final na próxima semana

Seletiva de Kart Petrobras divulga programação e regulamento para a grande final na próxima semana
Events

A grande final será nos dias 29 e 30 no Kartódromo da Granja Viana


Depois de passar por diversos campeonatos regionais de todo o país, a Seletiva de Kart Petrobras prepara-se para a sua grande final. A organização do evento divulgou esta semana a programação e regulamento da decisão, que acontecerá nos dias 29 e 30, no Kartódromo da Granja Viana, em Cotia (SP), a mesma pista que recebeu a primeira final, em 1991, e que volta ser sede de uma edição história, que comemora os 15 anos de um dos projetos mais consolidados do esporte a motor nacional e que distribui a maior premiação do kartismo no Brasil (123 mil reais para o campeão).

Ao todo, 12 pilotos foram selecionados ao longo do ano em competições realizadas em São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco, Maranhão e Santa Catarina, e farão a final, mesclando duas gerações muito fortes e vencedoras nas categorias Graduados e Júnior do kartismo atual. São eles: os paulistas Vitor Baptista, Vinícius Papareli e Pietro Rimbano, os gaúchos Bruno Bertoncello e Matheus Leist, os cariocas Renato Silveria Jr. e Olin Galli, o mineiro Paulo Victor, o brasiliense Pedro Cardoso, o pernambucano Nano Monteiro, o goiano Joaquim Junqueira e o tocantinense Marcos Vieira.

Com um regulamento feito especialmente para a final da competição e que pode ser conhecido no site oficial (www.seletivadekartpetrobras.com.br), a Seletiva abre a sua programação de pista na terça, dia 29, às 9h45, com o warm up. Às 10h15, 13 horas e 15 horas, acontecerão as tomadas de tempo. As provas serão na quarta-feira, dia 30, e terão início às 10 horas.

Os organizadores da Seletiva têm uma grande preocupação e cuidado para que todos os pilotos tenham condições iguais na disputa final e o regulamento é feito para que o talento possa aparecer. Uma das provas disto é o formato das tomadas de tempo.

Na primeira e terceira tomada de tempos, são formados seis grupos de dois pilotos cada. Todos os grupos utilizarão os mesmos karts, sendo permitidas apenas as mudanças necessárias para adaptação de cada piloto. A primeira sessão será de cinco minutos. Todas as voltas serão cronometradas e para efeito de pontuação será considerado o melhor tempo de cada piloto.

A segunda tomada será realizada em uma única volta cronometrada, podendo o piloto percorrer mais duas voltas, a primeira para aquecimento e a última para desaceleração. O tempo na volta cronometrada valerá para a pontuação. Todos utilizarão o mesmo kart e será permito apenas os ajustes para adaptação de cada piloto.

A última sessão classificatória será realizada em seis voltas cronometradas e, para efeito de pontuação, será considerada a soma de tempo para percorrer todas as voltas.

"Criamos um regulamento para a final da Seletiva que possa revelar talentos, sem interferência da parte econômica e, consequentemente, da parte técnica. Então, a gente dá todo o equipamento, que asseguramos ser igual para todo mundo, com as menores diferenças possíveis, que não interfiram no resultado final. Dentro disso, fomos criando fórmulas para o talento aparecer. Dentro da nossa experiência, sabemos de algumas características que mostram se o piloto é bom ou não. Foi o que a gente fez, especialmente com as tomadas de tempos. Na de uma volta: ele vai ter que mostrar o quanto que é frio para fazer aquela volta sem errar, porque, se errar, aqueles pontos vão fazer falta. Na outra, o piloto dá seis voltas seguidas: tem que mostrar que é constante. Na outra, anda cinco minutos e pode parar nos boxes uma vez, se quiser, para ajustar o kart: tem que ter algum conhecimento técnico para ajustar, ou, se ele achar que está muito bom, tem que, naquele momento, usar o melhor do pneu, porque é a hora em que sai com o pneu zero. O piloto talentoso vai aparecer", explica Binho Carcasci, promotor da Seletiva.

Na quarta-feira (30), os pilotos terão as duas baterias eliminatórias e as duas baterias finais, também com pontuações e regras bem definidas. O campeão da Seletiva de Kart Petrobras será o piloto que ao final das três sessões de tomadas de tempo, das provas eliminatórias e das baterias finais houver obtido o maior número de pontos. O campeão receberá o prêmio de 123 mil reais, como forma de apoio à continuidade de sua carreira. O vice-campeão ganha 8,5 mil reis e o terceiro colocado leva 3,7 mil reais.

Na disputa da final, os pilotos utilizarão o mesmo chassis da fábrica Birel Sudam - que há mais de 10 anos apoia o evento -, pneus, motores e combustível iguais. Os testes com os motores para a decisão já foram finalizados para que todos os pilotos tenham as mesmas condições e que o título fique com o competidor mais talentoso de 2013.

Confira a programação da final da Seletiva de Kart Petrobras:

Terça-feira, dia 29
8h30 - Apresentação dos pilotos no kartódromo
9h00 - Pesagem dos pilotos
9h30 - Briefing e foto oficial
9h45 - Warm Up
10h15 - Início da 1ª Tomada de tempo
13h00 - Início da 2ª Tomada de tempo
15h00 - Início da 3ª Tomada de tempo

Quarta, dia 30
8h30 - Apresentação dos pilotos no kartódromo
8h45 - Briefing
9h00 - Warm Up
10h00 - Início das corridas
17h00 - Pódio

Os Finalistas de 2013:
Vitor Baptista (SP)
Bruno Bertoncello (RS)
Renato Silveira Jr. (RJ)
Matheus Leist (RS)
Vinícius Papareli (SP)
Paulo Victor (MG)
Pedro Cardoso (DF)
Nano Monteiro (PE)
Joaquim Junqueira (GO)
Marcos Vieira (TO)
Olin Galli (RJ)
Pietro Rimbano (SP)

Fonte: FGCom 
Foto: Fabio Oliveira/ Radical Motors

OKKART srl © COPYRIGHT 2018 | VAT IT02629390598 | Privacy Policy - Cookies Policy